EDUARDO DA SILVA PEREIRA

TENENTE-CORONEL EDUARDO DA SILVA PEREIRA



Tenente-Coronel da Guarda Nacional e advogado, maçom republicano. Em 1870, assumiu a patente de Major da Guarda Nacional do termo de Ribeirão e Sertãozinho em 1870. Já em Bebedouro, em 1890, emancipou a cidade e no mesmo ano foi elevado a patente de Tenente-Coronel. Em 1900, assumiu o cargo de presidente da Comissão Municipal de Agricultura de Bebedouro. Fundou o Partido Republicano Conservador em Bebedouro. Em 1905 foi elevado a patente de coronel quando assumindo a terceira brigada de Bebedouro. Cafeicultor e criador de gado. Na Vila de Bebedouro assumiu os cargos de vereador, presidente e vice-presidente da câmara por várias legislaturas, juiz de paz e de órfão, delegado e subdelegado. Nomeado em 1913 para o cargo de presidente da Caixa de Credito de Bebedouro. Contraiu núpcias com D. Maria Thereza Paschoal e com ela tiveram vários filhos, dentre eles: Aracy da Silva Pereira; Gertrudes da Silva Pereira; Leonor de Godoy Pereira. Foi iniciado na Loja Maçônica Amor e Caridade. Fundou a Loja Maçônica Fé e Caridade em Bebedouro.

ARLS AMOR E CARIDADE Nº313

Rua Francisca Massaro Farinha, 385 - Ribeirânia, Ribeirão Preto - SP, CEP 14096-460

Sessões: Sextas-Feiras 20:00h