SILVESTRE PIMENTTA DOS REIS

TENENTE SILVESTRE PIMENTTA DOS REIS





Tenente da Guarda Nacional, cafeicultor e comerciante. Fez a Campanha do Paraguai. Nasceu em Campo Belo, MG, em 1853. Filho do Capitão Hipólito Pimenta dos Reis e D. Senhorinha dos Reis. Assumiu o posto de Tenente da 63° Batalhão da Reserva do estado maior da 1° Companhia da Guarda Nacional para termo de Ribeirão Preto. Contraiu núpcias com D. Messias Ambrosina dos Reis em 1873, e com ela teve vários filhos: Evaristo Pimentta dos Reis (Evaristo nasceu em São Simão em 1866 e faleceu 09 Agosto 1941 em Mirandópolis com 75. Contraiu núpcias com D. Adelina Vilela dos Reis e com ela teve os seguintes filhos: Gumercindo Pimenta dos Reis; Renato Pimenta dos Reis; Prudenciana Villela dos Reis; Claudemiro Pimenta dos Reis; Mario Pimenta dos Pimenta dos Reis; Ernestina Reis; Sigifredo Pimenta dos Reis; Albertina Reis; Antônio Pimenta dos Reis; Benedicto Pimenta dos Reis.); Manoel Pimentta dos Reis (Manoel nasceu 1868 em São Simão e faleceu em 1947 com 79. Contraiu núpcias com D. Amélia Carolina dos Reis e com ela teve filhos, dentre eles, Maria Amélia dos Reis); Minervina Pimenta dos Reis (Minervina nasceu em 15 Janeiro 1885 em Ribeirão Preto); Claudemiro Pimentta dos Reis; (Claudemiro nasceu na cidade de Ribeirão Preto em 31 de março 1888); Eliza Pimenta dos Reis (Elza nasceu em Ribeirão Preto em 04 Julho 1883 faleceu na mesma cidade em 1948 com 64 de idade.); Zeferino Pimentta dos Reis (Zeferino nasceu em 1879 e faleceu em 1962 com 83. Contraiu núpcias com D. Rosalina Arminda Jesus e com ela teve filhos, dentre eles: Izaura Maria de Jesus; José Pimenta dos Reis; Arminda Zeferina Jesus); Anicésio Pimentta dos Reis (Anicésio nasceu em 1888 e faleceu em 1853, Contraiu núpcias com D. Maria Carolina dos Reis e com ela teve filhos, dentre eles: Benedicto Pimenta dos Reis; Melchiades Pimenta dos Reis; Antônio Pimenta dos Reis; Isolina dos Reis); Alfredo Pimentta dos Reis (Alfredo nasceu em Ribeirão Preto em 20 Agosto 1875 e faleceu na mesma cidade em 1957 com 81 anos de idade. Contraiu núpcias com D. Lina Flausina de Jesus.). Assumiu em Ribeirão Preto diversos cargos públicos além do comando da Guarda Nacional, destacando os cargos de delegado e subdelegado em 1874-1888, e também, foi um grande cafeicultor e produtor de gado. Foi membro da Loja Capitular Amor e Caridade e fundou a Loja Maçônica Estrella da Verdade em São Simão. Faleceu em 1926 na cidade de Ribeirão Preto com 75 anos de idade.